Qualificação Funcional

A qualificação funcional também ocorre através de cursos livres organizados por agrupamento temático.

O curso livre, com a Lei nº 9.394/76 - Diretrizes e Bases da Educação Nacional - passou a integrar a Educação Profissional como Educação Profissional de Nível Básico e como modalidade de educação não formal de duração variável, destinada a proporcionar ao trabalhador conhecimentos que lhe permitam profissionalizar-se, qualificar-se e atualizar-se para o trabalho. Não há exigência de escolaridade anterior.

“Livre” significa que não existe a obrigatoriedade de carga horária, disciplinas, tempo de duração e diploma ou certificado anterior, ou seja, atende a população com objetivo de oferecer profissionalização rápida para diversas áreas de atuação no mercado de trabalho, por exemplo: informática, atendimento, secretariado, webdesign, idiomas.

Esses cursos se destinam à capacitação, à atualização e ao treinamento de servidores da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, quer por iniciativa dos gabinetes parlamentares, quer por solicitação dos setores administrativos.  Quando não direcionados especificamente a uma unidade setorial da Assembleia, nesses cursos disponibilizam-se vagas para a comunidade.

VOLTAR